Páginas

08 abril, 2014

Crítica: Filme Divergente!


Hoje eu assisti hoje o filme Divergente, o primeiro filme da trilogia. Uma adaptação do livro de Veronica Roth. Que é estrelado por Shailene Woodley (Beatrice/Tris Prior), Theo James (Quatro) e Kate Winslet (Jeanine Matthews).

A adaptação do livro, deu muito certo. Você se envolve com a protagonista e seus ideais e torce pra que ela consiga se tornar uma integrante da Audácia e vencer todas as dificuldades que ela passa no filme. É um filme bem feito, misturando ação, aventura, ficção cientifica, suspense e também um leve romance; Fazendo você (eu, nós) gostar e torcer para o casal.

Nem todos personagens são bem aproveitados, até mesmo os que não fazem parte do núcleo de "principais". Mas, cada um tendo a sua devida importância na construção da história. A versão cinematográfica apostou na química entre Shailene Woodley e Theo James. A química entre eles é inegável e nos rendem ótimos momentos no filme.

O filme pegou leve na violência e apostou mais na química dos protagonistas. Aqueles que pensaram que iriam ter muitos momentos de tenção, não gostaram muito. Tem muitos momentos de ação, correria, tiroteio, o filme pegou mais leve nos momentos mais violentos.


A trilogia começa logo depois de um grande guerra em Chicago, onde a cidade foi reconstruída rapidamente e foi dividida em 5 facções fações. Abnegação, Audácia, Amizade, Franqueza e Erudição.
 Aos 16 anos, os jovens passam por um teste para saber a qual facção irão para o resto de suas vidas(não poderão escolher outra). É nesse exame que Beatrice Prior descobre que tem aptidão para três, o que a faz Divergente e a coloca em muito perigo; Esses Divergentes são caçados e mortos.

A atriz Shailene Woodley teve dificuldade para viver Tris, já que tem uma personalidade delicada, uma voz de menina e um corpo não muito forte. Ela teve dificuldade nas cenas mais brutais, quando teve que lutar com Peter ( O Miles Teller, par romântico de The Now Spetacular) de forma agressiva, já que são amigos desde o filme. Tendo Miles que discutir com Shailene para ficar nervosa e a cena sair. O Shailene corria o risco de não convencer como Tris, uma garota agressiva (quando luta) e corajosa. Mas, ela muda completamente para viver a jovem.


Theo James não teve dificuldades para viver o Quatro. Já que é calado e grosseiro, mesmo não tendo muito oportunidade no filme, deu pra perceber. Sendo ele um lindo homem e corpo muito bonito.
Kate Winslet é uma das grandes estrelas do filme. Interpretando a vilã agressiva e durona Jeanine Matthews.


Muitas cenas fortes/tensas foram cortadas. Se todas essas passagens fossem colocadas alguns dos protagonistas seriam melhores aproveitados. Os produtores tiveram que cortar cenas bem fortes para encaixar o filme na classificação indicativa dos 13 anos.

Mas, com tudo o filme me agradou bastante e acho que muito/todos que assistiram. Agora é esperar os próximos filmes e ver. Aproveitar que o outro livro da trilogia não virou filme e ler.


Eu amei o filme e estou esperando os próximos.